António Cartaxo e o prémio Igrejas Caeiro

Foi hoje ao fim da tarde que António Cartaxo recebeu o prémio Igrejas Caeiro para a rádio da Sociedade Portuguesa de Autores. “Tendes diante de vós um homem feliz”, disse no final António Cartaxo, citando Stravinsky.

António Cartaxo nasceu na Amadora, em 1934, e trabalhou na secção portuguesa da BBC entre 1962 e 1976. Nesse período, ouviu muita rádio e assistiu a muitos concertos de música clássica, aí aprendendo muito do que realizaria na rádio nacional, onde ingressou (Antena 2) em 1976 e trabalhou durante 40 anos.

Ainda em 1976, António Cartaxo e o realizador Jorge Ribeiro foram distinguidos internacionalmente com o programa Você gosta de Beethoven?, em que eram entrevistados operários da Sorefame sobre a música de Beethoven, e que na sessão de hoje na SPA se ouviu um excerto. Em 1987, António Cartaxo venceu o Prémio Gazeta de Jornalismo na modalidade Rádio, com um programa sobre Fernando Lopes Graça. Em 2012, publicou Quase Verdade como São Memórias, editado pela Colibri e que lhe valeu o Prémio António Alçada Baptista. Agora o prémio atribuído pela SPA.

De António Cartaxo, recordo o programa Em Sintonia, na Antena 2, um dos melhores programas de autor que se ouvia até algum tempo atrás.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *