LIBERDADE DE IMPRENSA NO MUNDO


A liberdade de imprensa está sob séria ameaça a partir de vários lados – dirigentes corruptos na América Latina, regimes autocráticos no Médio Oriente, conflitos em África, governos hostis na Ásia e ameaças de morte e perseguições na Ásia Central e Europa – ei o retrato da WAN, World Association of Newspapers (Asociação Mundial de Jornais), ontem traçado no Fórum de Göteborg, Suécia, na véspera do congresso daquela associação e que se pode ler mais desenvolvidamente aqui.

Desde Novembro de 2007, foram mortos 28 jornalistas, dos quais 9 no Iraque.

A WAN, baseada em Paris, é a organização global da indústria dos jornais e defende e promove a liberdade de imprensa e os interesses económicos dos jornais a nível do planeta. Representa 18 mil jornais e 77 associações nacionais de imprensa, empresas jornalísticas e directores de jornais em 102 países, 12 agências noticiosas e 11 grupos de imprensa regionais e mundiais. O congresso da WAN começa hoje e vai até ao dia 4.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.